terça-feira, 10 de junho de 2014

E A SAUDADE ?

Um dia a fonte da saudade...SECA.
E percebemos que no céu 
Existem outras estrelas
Que brilham intensamente.

Começamos a construir
Novos Castelos de Sonhos
E a cultivar bem-me-queres
Em outros jardins.

Por intuição sabemos que devemos
Seguir a fragrância da TERNURA
Pois ela é como um rio que flui
PARA UM MAR DE DOÇURAS.

E a SAUDADE ?
-Vai se perdendo no infinito
Mas lá no fundão de nós, às vezes,
AINDA OUVIMOS SEU GRITO. 

15 comentários:

  1. Te saudade que não acaba... fica.... para que seja vivida... vivida com toda intensidade...vontade.. desejo...

    ResponderExcluir
  2. maria rosário casinhas10 de junho de 2014 12:28

    Um dia a fonte da saudade...SECA.

    SAUDADE... palavra bem PORTUGUESA!!!!.... que jamais se extinguirá de

    nossos corações!...

    Parabéns Poeta!....

    ResponderExcluir
  3. Saudade é o preço que se paga por viver momentos inesquecíveis.
    Sem a saudade o amor irá embora. Seu bom humor é algo especial! Nada faz você perder a alegria de viver. Muito bom conhecê-lo e ser sua amiga.
    Parabéns muito lindo o seu poema! :)

    ResponderExcluir
  4. E a SAUDADE ?
    -Vai se perdendo no infinito
    Mas lá no fundão de nós, às vezes,
    AINDA OUVIMOS SEU GRITO.

    ResponderExcluir
  5. E a SAUDADE ?
    -Vai se perdendo no infinito
    Mas lá no fundão de nós, às vezes,
    AINDA OUVIMOS SEU GRITO.

    ResponderExcluir
  6. Poeta querido, você não existe!
    Beijo

    Isa Batista

    ResponderExcluir
  7. Hum ...que verdade mais certa...
    .parece q a saudade desaparece ....
    mas de repente revive em nós
    com força e ainda grita!!Adorei Poeta...
    Bjos
    Ana Maria

    ResponderExcluir
  8. que poesia linda e verdadeira ... Parabéns querido amigo poeta, obrigado pela partilha, boa noite, bjs. ♥

    ResponderExcluir
  9. Gostaria de ficar eterna...Não quero virar uma Saudade!

    ResponderExcluir
  10. Maravilhoso, meu poeta querido..adorei!! bjs

    ResponderExcluir