domingo, 11 de setembro de 2016

E ali aninhado em teus braços.

Meu sorriso se abriu...
Quando chegastes toda primaveril...
E com doçura e fascínio...
Me chamastes...de MEU MENINO.

Meu coração disparou...
E todo o meu SER vibrou...
Foi muito difícil naquele momento...
Conter o ímpeto de meu contentamento.

E ali aninhado em teus braços...
Sentindo o que nunca senti...
Disse para mim mesmo:
Quero para sempre...ficar aqui !

Um comentário:

  1. Para sempre em seus braços, ainda será possível?

    ResponderExcluir