terça-feira, 18 de agosto de 2015

Voos de carinhos.

Quando sentes que amas
Entras em chamas
Pensamentos começam a bailar
Tudo em ti começa a vibrar.

Começas a sonhar
Que podes voar
De um jeito docinho
Lindos voos de carinhos.

O outro passa a ser o teu mundo
Preenche todos os teus segundos
É mel que não acaba mais...
Mel de ternuras, loucuras e ais !

Meu Deus como é bom...
Brincar de virtualidade !
Sinto como se estivesse ensaiando
A mais linda felicidade !




5 comentários:

  1. excelente Poeta, boa tarde, bjs.

    ResponderExcluir
  2. Esse mel tá muito docinho! rsrsr Muito lindo querido poeta! Bjs em sua linda alma!

    ResponderExcluir
  3. Lindooo lindooo ameiii muito doce seu poema bjus querido e otima noite((**))

    ResponderExcluir
  4. Lindooo lindooo ameiii muito doce seu poema bjus querido e otima noite((**))

    ResponderExcluir