terça-feira, 13 de março de 2012

ALTAR.

Nesse mundo de
Tantas ternuras
E tantas loucuras
FIZ PARA TI
Dentro de meu coração
E de meu sonhar
UM LINDO ALTAR.


Lá te admiro
E te reverencio
Principalmente
Quando sinto "frio"
E ondas de vazio.

5 comentários:

  1. Teresa Cristina de Barros13 de março de 2012 08:41

    ESTE TIPO DE REVERENCIA SÓ SE FAZ PRA QUEM O AMOR SE ENTREGA VERDADEIRAMENTE ( A AMAR )
    FELIZ A SUA DEUSA DEVE ESTAR ....
    LINDO !!! LINDO !!!!

    ResponderExcluir
  2. Que lindo Poeta dos Sonhos! Referenciar um grande amor em toda sua plenitude faz parte de quem ama se dá apenas no nosso altar interior, apenas no nosso coração. Parabéns para você Poetinha e para sua eterna musa. Boa tarde. Beijos.

    ResponderExcluir
  3. POETINHA, HÁ NESSE "REVERENCIAR" A MAIS CABAL AFIRMAÇÃO DO TEU AMAR!!!QUEM AMA ASSIM, JAMAIS ESTARÁ SÓ...LEVA CONTIGO SEMPRE ESSE AMOR...ELE TE DEIXARÁ PLENO E SEM SENSAÇÃO DE FRIO E NEM DE VAZIO! REGUE ESSE AMOR QUE ELE TE PREENCHERÁ!
    LINDO POEMA...
    PARABÉNS PELO ALTAR...MUITO LINDO!
    UMA LINDA TARDE!

    ResponderExcluir
  4. BOA NOITE POETA CARLOS...NOSSA QUE LINDO ...SÓ PODIA ..VIR DE UMA PESSOA ESPECIAL..COMO VOCÊ...PARABÉN..AMO..LER..VC..BETTY.G:)

    ResponderExcluir
  5. Oi carlinhos!
    O altar é lugar de adoraçao,
    Já que seu coraçao tem um altar,
    Vou orar e ajoelhar-me,
    Para o amor contemplar,
    Tua poesia reverenciar,
    Para que sinta calor,
    E nunca sinta vazio,
    E se sentir...
    As velinhas fiquem sempre acesa,
    Para permanecer viva sua poesia,
    E sua alegria.
    Beijinhos

    ResponderExcluir